Categoria: Saúde Geral

10 Erros que não deixam você emagrecer

Na hora de emagrecer tem gente que acha que além de tudo, inclusive, ficar sem comer. Só que dependendo do que se faça o resultado que se consegue, é exatamente o contrário, ao invés de emagrecer você começa a ganhar peso e nem imagina o porquê.

Se está cansado de fazer as coisas erradas, passar fome ou de comer alimentos que não estão te ajudando, está na hora de repensar os seus hábitos.

Veja uma lista com os 10 erros que não te deixam emagrecer e mude as suas atitudes.

  1. Cuidados com os light e diet

Por muito tempo se pensou que esses eram os alimentos perfeitos para quem faz dieta, mas não é bem assim. Por serem alimentos industrializados e que possuem restrição, por exemplo, de açúcar acabam tendo mais conservantes, sal ou outras substâncias para dar sabor. Com isso, acabam te atrapalhando.

  1. Ter intervalo grandes entre as refeições

O ideal é comer a cada 3 horas, dessa forma, o seu corpo entende que sempre receberá alimentos e não estoca gordura. Essas pequenas pausas entre as refeições também ajudam a acelerar o metabolismo.

  1. Cortar os doces de forma radical

Por um tempo, é possível viver sem os doces, mas por um longo período fica quase que impossível. Por isso, se permite às vezes comer uma pequena quantidade e dê preferência para o chocolate amargo.

  1. Desembale menos e descasque mais

Prefira os alimentos naturais, aquela história de andar sempre com uma barrinha de cereal ou qualquer outro snack não é o mais indicado. Tenha sempre uma fruta ou legume fácil de transportar e que esteja sempre com você. Eles além de possuírem menos calorias são muito mais nutritivos.

  1. Não procurar um nutricionista

Esse é erro é muito comum, isso porque nem sempre o que você acha que é saudável ou possui poucas calorias é verdade. Procure um nutricionista para que tenha uma dieta específica para você, seguir o que os outros fazem podem não te garantir o mesmo resultado, afinal, cada organismo é único.

  1. Dormir pouco

E preciso dormir bem para regular o organismo e fazer com que seu metabolismo funcione corretamente e os hormônios estejam equilibrados. O ideal é dormir de 7 a 8 horas por noite para garantir os resultados que deseja.

  1. Não se exercitar

Os exercícios são indicados para qualquer pessoa, não apenas para quem quer emagrecer. Por isso, faça atividades físicas, mesmo que não tenha muito tempo para isso, um treino junto com o uso do emagrecedor nuratrim funciona bem neste caso. Além de conseguir queimar calorias com mais facilidade, vai ter mais disposição para fazer as suas atividades diárias.

  1. Comer sobremesas

A sobremesa não deve ser consumida em todas as refeições, mesmo que ela seja light. Esse hábito fará com que aumente a quantidade de calorias consumidas. Se for comer uma sobremesa faça isso esporadicamente e opte pelas frutas.

  1. Consumir muito sal

O sal é um grande vilão, pois ajuda a reter líquido e causar a sensação de inchaço, sem falar que ele contribui para o aumento da pressão arterial. Evite ao máximo o sal e se possível tire ele do seu cardápio, veja porque:

  1. Não pensar no preparo de alimentos

Muitas vezes, o alimento é pouco calórico, mas o seu preparo com frituras queijos e creme de leite faz com que ele passe a ser uma bomba calórica. Por isso, muito cuidado com as receitas que for preparar.

 

Melhores Dicas Para Parar de Fumar

Parabéns primeiro. A simples leitura deste artigo é um grande passo para se livrar do tabaco. Muitas pessoas não param de fumar porque acham que é muito difícil. Eles acreditam que o deixarão no futuro.

É verdade que, para a maioria dos fumantes, deixar de fumar não é fácil. Afinal, a nicotina nos cigarros é uma droga poderosamente viciante. Mas, com a abordagem correta, você pode superar o desejo premente de fumar ou “macaco do tabaco”.

A dificuldade de quebrar o hábito de parar de fumar

Os fumantes podem ter começado a fumar porque seus amigos o fumavam ou porque parecia “enrolado”. Mas eles continuam a fumar porque se viciam em nicotina, um dos produtos químicos que os cigarros e o tabaco contêm para mastigar ou cheirar.

A nicotina é um estimulante e um agente depressor. Isso significa que ele aumenta a freqüência cardíaca no início e faz as pessoas se sentirem mais alertas (como cafeína, outro estimulante). Mais tarde, causa depressão e fadiga, o que – juntamente com a retirada da nicotina – faz as pessoas sentirem um desejo ardente de fumar outro cigarro para reavivar o espírito. Segundo muitos especialistas, a nicotina contida no tabaco é tão viciante quanto a cocaína ou a heroína.

Uma ótima maneira para parar de fumar mais rápido é fazendo o uso do NicoQuit Caps que é um suplemento natural em cápsulas que ajuda para de fumar de forma mais rápida.

Mas não desanime; Milhões de americanos deixaram de fumar permanentemente. As seguintes estratégias também podem ajudá-lo a quebrar esse hábito:

Coloque por escrito.

As pessoas que desejam mudar sua vida geralmente têm mais sucesso quando escrevem por escrito. Portanto, anote todas as razões pelas quais você deseja parar de fumar, como o dinheiro que economizará ou a resistência que ganhará para praticar esportes. Coloque essa lista em um lugar onde você possa vê-la e adicionar novos motivos à medida que eles ocorrerem.

Procure apoio.

Pessoas cujos amigos e familiares lhes dão uma mão para deixar de fumar são muito mais propensas a fazê-lo. Se você não quiser contar a seus pais ou parentes que fuma, verifique se seus amigos sabem disso e considere pedir ajuda a um conselheiro ou outro adulto de confiança.

E, se tiver dificuldade em encontrar pessoas que o apoiem ​​(se, por exemplo, todos os seus amigos fumarem e nenhum deles estiver interessado em desistir ou desistir), talvez seja bom que você participe pessoalmente de um grupo de apoio. ou conectado à Internet.

Mais estratégias que funcionam

Defina uma data para parar de fumar. Escolha um dia em que você parará de fumar. Informe seus amigos (e sua família, se eles sabem que você fuma) que você vai parar de fumar naquele dia. Pense naquele dia como a linha entre o seu eu fumante e o novo e melhorado não fumante. Marque no calendário.

Jogue fora seus cigarros – todos os seus cigarros.

Ninguém pode parar de fumar com cigarros ao seu redor. Jogue até o pacote de emergência que você guardou no bolso secreto da mochila. Livre-se dos cinzeiros e isqueiros também.

Lave bem todas as suas roupas.

Elimine o máximo possível o cheiro de tabaco de sua roupa lavando-o bem e limpando a seco suéteres, casacos e jaquetas que o exijam. Se você fumou em seu carro, lave-o também.

Pense nos seus gatilhos.

Você provavelmente está ciente das situações em que costuma fumar mais, como depois de comer, quando está na casa do seu melhor amigo, enquanto toma café ou dirige. Essas situações são seus gatilhos para o comportamento de fumar; é automático ter um cigarro na mão quando você está neles. Depois de descobrir quais são seus gatilhos, tente as seguintes dicas:

  • Evite essas situações. Por exemplo, se você fuma enquanto dirige, peça a alguém para levá-lo ao seu centro de estudos, ou faça uma caminhada ou pegue o ônibus por algumas semanas. Se você normalmente fuma depois de comer, organize-se para fazer algo diferente na hora, como ler ou ligar para um amigo.
  • Mudar locais. Se você e seus amigos costumam fumar em restaurantes ou comprar alimentos preparados e comê-los no carro, isso sugere que você se sente na seção de não fumantes na próxima vez ou coma os alimentos preparados em um local diferente do carro.
  • Substitua os cigarros por outra coisa. Pode levar muito tempo para se acostumar com a sensação de não ter nada na mão ou na boca. Se você tiver esse problema, recorra a palitos de cenoura, chiclete sem açúcar, hortelã-pimenta, palitos de dente ou até pirulitos ou pirulitos.

Efeitos físicos e mentais

Espere alguns sintomas físicos. Se você fuma regularmente, provavelmente desenvolveu um vício físico em nicotina e seu corpo pode apresentar alguns sintomas de abstinência ao parar de fumar. Estes podem incluir:

  • dores de cabeça ou dores de estômago
  • irascibilidade, nervosismo ou depressão
  • falta de energia
  • boca seca ou dor de garganta
  • desejo por comida

Felizmente, os sintomas de abstinência de nicotina passarão, portanto, seja paciente. Tente não torcer o braço, pegando um cigarro furtivamente, porque então você terá que enfrentar esses sintomas por mais tempo.

Mantenha-se ocupado.

Muitas pessoas percebem que é melhor parar de fumar na segunda-feira, quando você precisa ir para o trabalho ou para o centro de estudos, porque é um dia em que você estará ocupado. Quanto mais ocupado você estiver, menor a probabilidade de experimentar o “macaco do tabaco”. Ser ativo também é uma boa maneira de garantir que você mantenha seu peso baixo e sua energia alta , mesmo se tiver sintomas de abstinência de nicotina.

Pare de fumar gradualmente.

Para algumas pessoas, reduzir gradualmente o número de cigarros que fumam por dia é uma maneira eficaz de parar. De qualquer forma, essa estratégia não funciona com todos; Talvez você descubra que precisa sair radicalmente. Isso é conhecido como “deixá-lo saudável” e gera uma forte síndrome de abstinência.

Use substitutos da nicotina, se você precisar deles.

Se você achar que nenhuma das estratégias acima funciona para você, converse com seu médico sobre possíveis tratamentos. O uso de substitutos da nicotina, como goma, adesivos, inaladores ou sprays nasais, pode ser de grande ajuda. Nebulizadores e inaladores só podem ser comprados mediante receita médica, e é importante que você também vá ao médico antes de comprar adesivos ou chicletes. Assim, seu médico pode ajudá-lo a encontrar a melhor solução para você. Por exemplo, os adesivos exigem o mínimo de esforço de sua parte, mas não oferecem a “corrida” quase instantânea de nicotina que a goma fornece.

Deslizes acontecem

Se você der um pequeno deslize, não desista!

Mudanças importantes às vezes falham nos princípios. Se você é como muitas pessoas, pode parar de fumar por várias semanas ou até meses e, de repente, sente um “macaco” tão forte de tabaco que se sente compelido a fumar. Ou talvez você se encontre acidentalmente em uma de suas situações de gatilho e volte a cair em tentação.

Se você tem um deslize, isso não significa que você falhou, apenas que você é humano. Aqui estão algumas maneiras de voltar aos trilhos:

  • Pense nesse erro como um pequeno erro. Tome nota de quando e como aconteceu e siga em frente.
  • Você se tornou fumante fumando um único cigarro? Não acredito; aconteceu mais gradualmente, com o passar do tempo. Lembre-se de que um único cigarro não fez de você um fumante a princípio; portanto, fumar um cigarro (ou até dois ou três) depois que você sai não faz de você um fumante novamente.
  • Lembre-se de por que você parou de fumar e de como se saiu bem ou peça a alguém do seu grupo de apoio, família ou grupo de amigos para fazer isso por você.

Se recompense.

Como você já sabe, parar de fumar não é fácil. Dê a si mesmo uma recompensa bem merecida! Reserve o dinheiro que você usou para investir na compra de tabaco. Quando você ficar sem tabaco por uma semana, duas semanas ou um mês, compre um detalhe, como um novo CD, um livro, um DVD ou uma peça de roupa. E a cada novo ano que você fica sem tabaco, comemore novamente. Você terá merecido.

Remédios caseiros contra a abstinência de cafeína

O café afeta o cérebro, produzindo uma constante sensação de alerta devido à estimulação do sistema nervoso central. Isso pode causar problemas de abstinência de cafeína quando o consumo usual diminui.

Essa síndrome de abstinência pode causar sonolência, irritabilidade, enxaqueca, dificuldade de concentração e tendência à depressão. Aqui estão alguns bons remédios para reduzir o problema e reduzir o consumo de café com sucesso.

Os benefícios de parar com café

Interromper o consumo excessivo de cafeína oferece muitos benefícios para nossas vidas. Uma delas é a perda de peso, porque as bebidas com cafeína fornecem calorias vazias e promovem o acúmulo de gordura no corpo.

Outro benefício é a diminuição do refluxo estomacal. A acidez do café está associada a distúrbios digestivos, indigestão e desequilíbrio na flora intestinal.  Além disso, o estresse é reduzido, pois a cafeína aumenta as catecolaminas, como a adrenalina. Estes são hormônios relacionados ao estresse.

Os melhores remédios caseiros para combater a abstinência de cafeína

Para interromper o consumo de cafeína sem sofrer as conseqüências irritantes da síndrome de abstinência, recomenda-se diminuir progressivamente a quantidade de cafeína que geralmente é ingerida em 25%.  Dessa forma, você pode progredir gradualmente até sair completamente.

Como um extra, você pode incluir os seguintes remédios caseiros para superar o vício rapidamente.

1. Água de coco

A água de coco é uma bebida nutritiva e muito saudável. Contém enzimas que ajudam a limpar o corpo, além de eletrólitos que geram energia e reabastecem nutrientes.

Também ajuda a impedir o corpo e a mente lentos, mantendo-os energizados. Também  combate a fadiga causada pela retirada da cafeína .

O consumo de água de coco tem efeitos muito semelhantes aos de uma bebida esportiva em termos de hidratação, inclusive que causa menos náuseas, desconforto e peso do estômago.

2. Bebidas pré-bióticas

Essas bebidas favorecem o crescimento da flora intestinal , melhorando nossa saúde digestiva. Eles estimulam o sistema imunológico a limpar o corpo de toxinas enquanto combatem os sintomas da abstinência de cafeína.

Da mesma forma, eles ajudam a limpar o intestino dos resíduos encontrados neles. Dois bons exemplos são iogurte e leite de soja. Existem também suplementos nutricionais com prebióticos que têm os mesmos benefícios.

3. chá de gengibre

Reconhecido por seu aroma distinto e sabor picante, o chá de gengibre é um remédio natural que aumenta a digestão, quebrando os alimentos facilmente.  Um de seus benefícios é que melhora a regulação do açúcar no sangue. Portanto, além de controlar a glicose, mantém você alerta por longos períodos de tempo.

Também produz um movimento intestinal regular que evita diarreia causada pela cafeína. Além disso, reduz problemas de memória e melhora o humor alterado pela retirada da cafeína.

4. Chá de hortelã-pimenta

Existem muitos benefícios para o corpo associados ao uso de hortelã-pimenta. Quando se trata de abstinência de cafeína, o chá de hortelã-pimenta elimina náusea, dor de cabeça e estresse .

Seu consumo regular interrompe a tensão ou inquietação no corpo, produzindo um estado de relaxamento, ajudando a acalmar a mente quando está agitada ou lenta. Uma boa opção é beber uma xícara de chá de hortelã-pimenta quando sentir abstinência de cafeína.

5. chá de alho

O chá de alho pode nos ajudar a controlar a abstinência de cafeína.

Reconhecido por ser um excelente antibiótico natural, o chá de alho é geralmente consumido para prevenir resfriados e fortalecer nosso sistema imunológico. O que poucos sabem é que ele também combate a abstinência de cafeína, produzindo um estado de calma na mente .

Como as bebidas prebióticas, o chá de alho facilita um movimento intestinal mais natural e limpa o corpo das toxinas que podem causar doenças. Consuma-o duas vezes por semana e verá quanto tempo se esquece da cafeína.

6. Chá de camomila

A camomila é uma erva nativa da Europa Ocidental, caracterizada por seu aroma e sabor amargo. Possui muitos benefícios à saúde devido aos seus atributos digestivos, carminativos, sedativos, tonificantes e antiespasmódicos.

A infusão de camomila alivia o corpo e a mente do estresse, acalmando a ansiedade. Portanto, é ideal reduzir a retirada de cafeína regulando altos níveis de energia .